01 janeiro 2015

[DOMINGAS] Reminiscências 2014

Apesar dos pesares, 2014 foi um ano muito positivo para mim. 
É difícil manter a rotina de estudante de Letras, professora, agora estagiando na Coordenação Pedagógica da escola, ser Noiva, e ainda relativamente dar conta dos afazeres caseiros, quando as avaliações (às quais me submeto e aquelas que eu mesma aplico) permitem.

Meus bebês!!!
Tudo isto tem um propósito maior. Foi exercitando a minha paixão por livros no blog, lendo e resenhando, que percebi o que desejava da minha vida: trabalhar com Literatura, preferencialmente a juvenil. Tenho paixão pelo trabalho de incentivo à leitura e Literatura entre adolescentes, o público que se encontra na fase mais apaixonada, vigorosa, extrema. Para adquirir as melhores ferramentas e, um dia, vir a desenvolver este trabalho com dignidade e sabedoria, preciso devotar praticamente 100% do meu tempo ao curso. Obviamente, preciso me dar horas de lazer, porque o cérebro tem de respirar: ele necessita de suas horas de fabulação e relaxamento, para que consiga trabalhar de forma satisfatória. Diz Antonio Candido.

Neste ano, finalmente, a minha estante saiu!!! Cinco prateleiras de 1 metro para guardar meus amados bebês. Não podiam mais ficar apertados em duas prateleiras de 2m, como antes. A bem da verdade, com a estante, ganhei apenas uma prateleira, e eu sabia que logo precisaria de mais uma. Este dia está chegando! Creio que antes de 2016.

Março: foto com O CARA, Duca Leidecker, que foi dos grupos Pouca Vogal e Cidadão Quem. Lindo, educado, dono de uma voz aveludada deliciosa e super gente fina!

Em 2014, servi a Deus e à minha Igreja; viajei muito, fui a shows incríveis (Fagner, Zé Ramalho, Duca Leidecker, Beto Gessinger), conheci lugares lindos e pessoas maravilhosas! Fui novamente ao Museu Brennand; conheci a Lagoa do Carcará e Fortaleza. Foi o ano dos Eventos acadêmicos e de capacitações para o Trabalho. Apresentei muitos artigos e resumos: em minha Campina Grande, Natal, João Pessoa... (Meu grupo se perdeu dentro do Natal Shopping, de praxe, etc. Risos.)



I CONAPE / II ENPEB: Foto com LUIZ PAULO DA MOITA LOPES!! O  Cara da Linguística Aplicada. Doutor em LA por uma universidade britânica. Sabe quando você lê os livros do cara em sala, ficha, discute e - de repente - está do lado dele? *__* Saibam mais sobre ele na página da Parábola Editorial.
I COGLIF: Em 2014, conheci muitas pessoas incríveis. Uma delas foi O Fera da Literatura Colonial Brasileira: João Adolfo Hansen. Sem palavras para falar dele; é uma vertente da nossa Literatura que me despertou interesse leitor por conta dos Sermões do Padre Antônio Vieira. Ele é inacreditável. Inteligente, tem uma voz linda e é muito gentil!! *___*


Capacitação em Agosto: Conhecendo a beleza noturna das luzes de Fortaleza, a trabalho. Jamais vou esquecer esse lugar lindo, e ficou tanto por conhecer, Fortal!


Blue Tree: No evento de capacitação regional da Fisk
Também, nem tudo foram rosas. Este ano, sofri uma queda de moto pela primeira vez: não me machuquei seriamente, mas a minha mão esquerda não foi mais a mesma. Não vi tantos filmes no cinema, como em 2013, mas estive presente às estreias de X-Men, A Culpa é das Estrelas; O Espetacular Homem-Aranha 2; Se eu ficar; A Esperança I. Okay, eu vi muitos filmes!!!

Em 2015, sofri um acidente de moto muito mais sério. Desta vez, encerrei minhas viagens de moto. A Mão de Deus e o Manto Sagrado de Maria estavam lá, amaciando minha queda. Porque ainda tenho uma missão grande a cumprir. Tão maior do que eu, Cristo... Mas não pretendo render-me!


Apresentando os resultados da pesquisa "Ficção Distópica: Novas Fórmulas para Jovens Leitores". Levei o livro "Jogos Vorazes" para a sala de aula,  como forma de incentivo à leitura, de apresentação da Distopia entre os jovens do ensino público. Projeto idealizado e co-escrito por mim, e aceito pela melhor Orientadora que eu poderia ter. Foi uma experiência ímpar, ver os olhares de choque dos alunos, ao se depararem com uma realidade tão cruel, que faz os problemas presentes parecerem brincadeira de criança.

Atuei também como fotógrafa em alguns eventos do nosso Campus: é uma das artes que mais me ilumina o espírito. Penso na minha câmera como uma extensão da minha mão, mas tenho MUITO a aprender, ainda. O mesmo vale para o canto coral, pelo qual sou apaixonada, e tive a felicidade de participar das Missões de Natal, Páscoa, Coroação e Padroeiros da cidade, servindo com cantos, para Deus, Nosso Pai. Eu amo!
Reminiscências de 2014, um ano super válido e inesquecível para mim. Conheci lugares e pessoas importantes... Disse "Sim", ou melhor, "Yes" a um pedido bem especial... Quer saber, olhando para trás, ano passado teve um saldo positivo demais! Esperei muito de 2015, e chegamos à metade dele já com 3 passagens por hospital, uma delas mais séria. Mas, como dizia vovô (que Deus o tenha), Anos Ímpares! Geralmente, nada bons.

Deus nos abençoe! Sejam legais com as pessoas - podem precisar delas, logo, logo.

BOAS LEITURAS!!

Comentários via Facebook

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela presença e participação! ATENÇÃO: Todos os comentários são moderados. Aqueles considerados inapropriados à nossa política serão automaticamente excluídos. Comentários anônimos não serão aceitos.