14 julho 2015

[RESENHA] Diário de um adolescente apaixonado (Rafael Moreira)



Ele suou frio quando deu o primeiro beijo. Já sofreu bullying na escola. Já gostou de quem não gostava dele. Sente muita falta de quem foi embora. Já brigou com a namorada por Whatsapp e depois pediu desculpas. Ele não troca os amigos por ninguém. Se bem que amigo, AMIGO mesmo, pra ele, é a família. Em 24 crônicas bem-humoradas (claro), o Rafa conversa com a gente como se estivesse bem pertinho. Acostumado a mostrar o rosto na internet, ele criou coragem e começou a escrever sobre as situações da sua infância, sua relação com a família, com as meninas, com os amigos. De cada história, ele tirava uma reflexão sobre as mudanças que já aconteceram na sua vida e o que ele aprendeu com elas. O resultado está aqui, neste livro que você vai ler e depois abraçar bem apertado. (Skoob)

MOREIRA, Rafael. DIÁRIO DE UM ADOLESCENTE APAIXONADO. Ribeirão Preto: Novo Conceito, 2015, 126 p.

Skoob Fanpage (Livro)
Skoob Fanpage (Autor)
RESENHA NO SKOOB
ORELHA DE LIVRO

Parece que é reflexo de todo mundo dizer "eu te amo", de maneira muito fácil. Como se fosse um espirro. As garotas acabam falando isso muito cedo pros caras e os cara acabam respondendo o mesmo só para conseguir o que eles querem. Não dê valor a um "eu te amo" qualquer, dê valor às atitudes que demonstrem isso. E claro, não se esqueça do mais importante: SE VOCÊ TEM PRINCÍPIOS, NÃO OS ABANDONE... Você merece ser feliz o tempo todo. (p. 29)

A situação é esta: li o livro de crônicas do Rafa, literalmente, em uma hora e meia. 
Não há outra palavra para descrevê-lo... É FOFO, ao cúmulo. Eu o adiantei, na fila de leituras, por ser mais breve e de fácil aproximação, pelo que eu verificara nas primeiras páginas. Ademais, visualmente, o livro ficou perfeito - excelente diagramação e design de capa, um trabalho caprichoso da NC, como sempre. Visto que eu não conhecia, nem o Rafa, nem seu trabalho, não criei muita expectativa, apenas caí na leitura. Eis que, em 24 crônicas, ele disse tantas coisas que a gente quer e/ou precisa ouvir de vez em SEMPRE. Super! Ri, chorei, e senti alguns tapas na cara da minha sociedade. 

... se você quer criar alguma coisa, não crie expectativas, crie galinhas. Se tudo der errado, pelo menos, você terá ovos. (p. 41)

Aqui, você não vai encontrar um adolescente de 17 anos se lamentando da vida que não dá certo, das paixonites que não engrenaram, ou de ainda não ter decidido que carreira seguir, sob o olhar duro dos pais. Neste livro, o que encontrará é o Rafael Moreira, um adolescente de 17 anos com uma visão interessante, madura mesmo, da vida, sociedade, namoro, perda e carreira, até TPM! Um jovem que demonstra um profundo amor pela família e que dá, em poucas palavras, aquele sacode de que você precisa para sair da fossa e dar a volta por cima em qualquer situação.


... ganhar seu dinheirinho é bom, ser reconhecido, ter futuro na carreira também deve ser. Mas ser infeliz na profissão... Acho que não tem grana que conserte isso. (p. 82)



O meu livro está repleto de post-its, com mensagens bacanas, algumas que podem conferir no meu insta e outras em meio a esta resenha. Sim, ele fará mais sucesso entre as meninas do que entre os meninos, porque os meninos de hoje não acreditam que ainda vale a pena ser romântico. Mas está aí o Rafael para provar que ser gentil com a garota não está fora de moda, está apenas fora de algumas cabeças. Que esperar pelo momento certo não é errado, é a real prova de amor. 
Amigas vão se presentear, mas Namorados podem não curtir as verdades expressas ali. Recomendado, e com nota 5.


Comentários via Facebook

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela presença e participação! ATENÇÃO: Todos os comentários são moderados. Aqueles considerados inapropriados à nossa política serão automaticamente excluídos. Comentários anônimos não serão aceitos.