16 outubro 2016

[RESENHA] Se Eu Ficar (Gayle Forman)

Sonata para violoncelo nº 3 de Beethoven. Deixe tocando, enquanto lê.
Após o acidente, a Sonata para violoncelo nº 3 de Beethoven ainda pode ser ouvida. Mia vê o próprio corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não consegue sentir nada. Tudo o que ela pode fazer é ver o esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... Seu grande amor luta para ficar perto dela e foi proibido de vê-la. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de toda a sua breve vida. (SKOOB)
FORMAN, Gayle. Se eu ficar. Ribeirão Preto: Novo Conceito, 2014, 224 p.
Skoob Fanpage (livro)
Skoob Fanpage (autora)
ORELHA DE LIVRO
Às vezes, você faz escolhas na vida e outras, as escolhas vêm até você. (p. 159)
Ah, o livro mais emocionante do ano.
Era um dia de nevasca forte.
Mia, a nerd, não podia reclamar da vida. Tinha pais legais e roqueiros, super apaixonados um pelo outro; um irmãozinho meio difícil, na medida de toda criança, e muito fofo, como um anjinho; um namorado também roqueiro, que a ama sem medida... E um grande talento: ela toca violoncelo de forma única. Durante um passeio com a família, em alguns segundos fatídicos, quando tudo parece em paz, ouvindo a Sonata para violoncelo nº 3 de Beethoven, a vida de Mia muda completamente. Um caminhão atropela o carro da família e todos têm morte instantânea. Bom, quase todos.

O livro é repleto de referências românticas, e também casa muito bem a música clássica com o rock. O livro é triste e belo, fala da experiência de quase morte e você pode ler "de uma sentada", como dizemos por aqui; ou seja: tem tempo livre? Pode lê-lo em, no máximo, 2 dias. Os personagens são singulares, a maioria, rasa. Temos a nossa protagonista e personagem redonda, Mia; também sua melhor amiga, Kim, e seu namorado Adam: não é o galã dos sonhos literários - ao menos para mim, permanece sendo Mr. Darcy - mas tem um amor tão desmedido por Mia que é capaz de qualquer loucura para vê-la. No momento em que se vê perambulando em espírito pelo hospital, Mia encontra seu maior dilema: decidir sobre a continuação da própria vida.
Se eu ficar. Se eu viver. A escolha é minha. (p. 75)
Enquanto convive com os flashes do seu passado, Mia pode observar o presente doloroso e tenta pesar o melhor a fazer, decidir o que está em suas mãos: quer voltar para um presente em que perdeu tantas pessoas imensamente amadas, passando a viver sozinha, ou seguir em frente, descobrir qual é a grande aventura seguinte"?
Não sei ao certo o que aconteceu comigo., e pela primeira vez no dia, não me importo nem um pouco. Não deveria me importar. Não deveria ter tentado tanto. Percebo agora que morrer é fácil. Viver é que é difícil. (p. 145)
O livro é emocionante, fará você rir e chorar, bastante, refletir sobre a vida. O curso dos acontecimentos favorece o fervor no nosso peito, enquanto prosseguimos com a leitura. A obra abre margem para vários questionamentos, como a partir de que momento você percebe que a história dos seus pais, na verdade, sendo parte da sua... É a Sua História?

Ele observa as coisas mais simples e imperceptíveis aos olhos ocupados com o dia a dia. 
Pessoalmente, muito embora o livro não cresça em profundidade, faz recomendo e que leiam antes da estreia do filme, que está próxima! É no dia 4 de setembro de 2014!

Confiram o trailer abaixo e emocionem-se comigo. Pelo que li, posso dizer que muitas cenas vão se manter fiéis ao livro!

NOTA:
4/5

\\o Boa Leitura o//

Comentários via Facebook

1 Comentários:

  1. Chorei horrores vendo o filme. Li o livro em um dia, toda desesperada por mais. Emocionante mesmo, uma escrita cheia de sentimentos e muito gostosa de ler. Virou favorito.

    ResponderExcluir

Obrigada pela presença e participação! ATENÇÃO: Todos os comentários são moderados. Aqueles considerados inapropriados à nossa política serão automaticamente excluídos. Comentários anônimos não serão aceitos.